Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Telmixa

Mix de leituras, organização, tv, filmes, tecnologia e de mim, claro!

Telmixa

Mix de leituras, organização, tv, filmes, tecnologia e de mim, claro!

Balanço de 2011: os números

Este é o primeiro ano que faço um balanço deste género. A verdade é que até 2010 eu não tinha lido tanto ou comprado tantos livros, logo nunca senti necessidade de registar as minhas leituras ou gastos com o vício. Decidi que além de ser uma perspectiva sobre o ano que passou, este balanço também me vai ajudar a tomar decisões sobre as minhas leituras para 2012.

Livros Lidos
Em 2010 li 24 livros e foi o meu recorde pessoal. Em 2011 decidi bater esse recorde e consegui. Graças ao “Reading Challenge” do Goodreads foi possível registar a minha evolução e este ano li 29 livros. Nesta lista excluí 3 livros que tentei ler e dos quais adiei a leitura. 
Se a diferença é apenas de 5 livros (mais 21% acima) , a verdade é que em páginas a diferença é bem maior: 9576 páginas em 2011 para 6507 páginas em 2010. Uma diferença de 3069 páginas ou 47% acima do que foi lido no ano anterior.

Livros Comprados
O ano passado comecei a registar quanto é que gastava em livros assim como o valor daqueles que recebi (prendas e ofertas). O balanço foi positivo e acima de tudo, pude ver o quanto já tinha gasto, o que foi uma boa forma de evitar de gastar por impulso.
Este ano comprei 21 livros e gastei 239,99€. Mais de metade deste valor foi gasto na Feira do Livro de Lisboa nos 10 livros que por lá comprei.
Do dinheiro que investi em livros em 2011 só li 43,40€, ou seja, 4 livros. Os restantes lidos foram-me oferecidos ou emprestados.

Livros Recebidos: prendas, ofertas e empréstimos
Li 4 dos 7 livros emprestados (um tinha sido emprestado no final de 2010) e estes tiveram sempre prioridade sobre os oferecidos ou comprados. Poupei 55,21€ com o empréstimo destes livros e talvez compre alguns destes no futuro para os ter na minha biblioteca pessoal.
Em livros oferecidos recebi o total de 262,04€ em 17 livros. Um deles ganhei num passatempo. A soma de ambos (oferecidos e emprestados) é superior ao que gastei, logo o saldo foi positivo.

Decisões para 2012: Reduzir números
Ponderar bem a compra para evitar a compra por impulso foi a minha decisão para 2011 e no entanto gastei o dobro do dinheiro que em 2010 o que significa que estas decisões valem o que valem. No entanto vou lista-las à mesma, para ter presente a minha vontade de reduzir mesmo que depois venha a contorna-la. Um vício é um vício, afinal!

Não olhar a recordes. Ler não é uma competição, mesmo que seja comigo mesma. Foi engraçado ver até onde conseguia ir, quanto conseguiria ler este ano, para chegar à conclusão que dificilmente vou ultrapassar a barreira de dois a três livros por mês. Vou aceitar que tenho o meu ritmo e que esse é o ritmo ideal para mim. Vou não ler quando me apetecer fazê-lo e vou fazer o “luto” de um livro para não arruinar a leitura do próximo.

Ler o que compro. Eu estou muito agradecida pelos livros que recebi mas sinto que, por isso mesmo, negligenciei aqueles em que investi o meu dinheiro. O facto de estarem na estante não implica que estejam esquecidos, vejo-os como uma “conta-poupança” para serem lidos em tempos de maior aperto. E como 2012 adivinha-se um ano complicado em termos financeiros é provável que eu vá ler tudo aquilo que eu comprei e que não li em 2010 e 2011.

Adquirir menos. Esta é uma decisão difícil pois percebi que, mesmo com o controle do “custo do vício” surgiram sempre livros aos quais era muito difícil deixar passar e não comprar. Agora, quando dou por mim a ter 42 livros a entrarem-me em casa em 2011 e apenas ler 26, se continuar a este ritmo, irei adquirir livros que nunca irei ler. Talvez esteja a ser um pouco exagerada nas minhas conclusões mas tudo aponta para que eu deva comprar menos livros e é o que eu vou tentar fazer.

Apostar na qualidade. Qualidade aqui não é no sentido de “aclamado pela crítica” mas sim no que é adequado aos meus gostos pessoais. Esta também é uma decisão difícil pois nunca sei que livro é bom para mim até o começar a ler. Ler um livro mau dá-me sempre a sensação de tempo desperdiçado, um pouco como a Célia explicou no seu texto “Não terminar um livro”. Eu quero ler livros que sejam uma boa companhia nas minhas 0horas vagas e não o equivalente a “provas de esforço”. Por isso, vou  desistir mais quando não estiver a gostar do que estou a ler, sem arrependimentos. Talvez um dia mais tarde venha a gostar desse livro, quando o recomeçar.

Fazer mais leituras temáticas. Foi uma excelente forma de me manter motivada e não ficar ansiosa com a escolha do livro a ler a seguir. Foi divertido e aprendi bastante sobre cada um dos temas escolhidos.

Este “Balanço do Ano” foi muito divertido para mim de fazer e ficou tão grande que tive que dividi-lo em várias partes: esta dos números, as estantes mais lidas e as personagens femininas e masculinas favoritas.

A todos aqueles que leem este blog obrigada por o acompanharem e um Feliz Ano de 2012 cheio de boas leituras.

2 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2009
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2008
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2007
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2006
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D
  196. 2005
  197. J
  198. F
  199. M
  200. A
  201. M
  202. J
  203. J
  204. A
  205. S
  206. O
  207. N
  208. D