Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Telmixa

Mix de leituras, organização, tv, filmes, tecnologia e de mim, claro!

Telmixa

Mix de leituras, organização, tv, filmes, tecnologia e de mim, claro!

Dia da Mulher

Acho que era impossível não dizer nada neste dia. Desde manhã cedo que tenho pensado na sorte que eu tenho por ter nascido nesta época e neste país. Não me sinto menos ou diferente por ser mulher. No entanto, não parei também de pensar no facto de que ainda não chegou o dia de dar os parabéns umas às outras por sermos mulheres. Porque, se outras mulheres no nosso passado lutaram por nós, também temos o dever de fazer o mesmo por outras mulheres que ainda hoje não sabem que este é o seu dia. E há tantas formas de ajudarmos!! Vejamos:

  • Em 1973 Dr. Catherine Hamlin e o marido fundaram o Addis Ababa Fistula Hospital. O objectivo: operar gratuitamente todas as jovens que sofriam de fístula no útero. A fístula uma ferida que liga o útero e a bexiga, com um resultado desastroso: a urina sai pela vagina sem hipótese de ser contida, provocado mau cheiro. Em África, as raparigas são casadas e mães muito cedo, não tendo ainda o útero totalmente desenvolvido. A fístula surge após o difícil parto. Podemos ajudar esta organização que faz tanto por estas raparigas doando, em The Fistula Foundation.

  • 88% das vítimas que apresentaram queixa à APAV eram mulheres. Podemos apoiar esta instituição a continuar o seu trabalho doando em www.apav.pt.

  • A Ajuda de Mãe é uma Instituição Particular de Solidariedade Social, sem fins lucrativos. Nasceu em 1991, tendo como finalidade contribuir para a cultura da vida humana, ajudando cada mãe de forma a que o nascimento do bebé possa ser um factor de melhoria de vida para a família. O trabalho da Ajuda de Mãe é desenvolvido por uma equipa multidisciplinar. Conta com um acordo de cooperação com o Centro de Segurança Social de Lisboa. Tem acordos de parcerias com diversas instituições, públicas e privadas, para optimização do seu trabalho.

  • As mulheres islâmicas também se encontram organizadas. Podemos saber mais sobre a sua cultura e formas de apoio em Resources for and about Muslim Women e Muslim Women's League.


Acho que este dia Internacional da Mulher deve recordar o passado (aquilo que outras fizeram por nós) e agir no que é necessário fazer hoje, para mais tarde recordar.