Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Telmixa

Mix de leituras, organização, tv, filmes, tecnologia e de mim, claro!

Telmixa

Mix de leituras, organização, tv, filmes, tecnologia e de mim, claro!

A Guerra dos Tronos, de George R. R. Martin

Expectativa: Foi um livro que eu demorei muito tempo para começar a ler por várias razões. A primeira é que a época medieval não me seduz nada, com ou sem fantasia. Foi só apenas ao grande sucesso do autor por cá e à minha leitura dos capítulos sobre a Daenerys, que gostei bastante, que fiquei convencida a investir na leitura deste livro. Depois veio a série e com ela a euforia dos fãs. Tendo passado por uma situação semelhante mas invertida, com a série Sangue Fresco, decidi primeiro ver a série de tv e depois ler os livros. De certa forma quis afastar-me de todas as formas de pressão e euforia que livros com grandes hordas de fãs normalmente trazem consigo e apreciar o livro por si só, ao meu ritmo e ao meu gosto.

Estado de espírito: Primeiro livro do ano, comecei a lê-lo porque queria "finalmente começar a ler A Guerra dos Tronos" e porque andávamos a preparar o tema de Janeiro para o Só Ler Não Basta e queria estar bem preparada.

Opinião: A família ou a honra? Este é o dilema com que se depara Eddard Stark perante o convite que o rei lhe faz para ser a sua Mão. A sua decisão acaba por ser forçada, na sequência de um grande infortúnio, no entanto esta terá consequências graves para a sua família e reino.
George R. R. Martin oferece-nos com a "A Guerra dos Tronos" a introdução ao seu enorme jogo de xadrez em que Westeros (um reino de Fantasia onde as estações do ano duram anos e a magia quase que desapareceu) é o seu tabuleiro e as várias famílias e personagens os seus peões. É na complexidade do seu mundo e na forma como tudo se move e se interliga que torna esta saga tão interessante. Há um enredo maior do que este livro só, há um destino (que neste livro ainda não se sabe, tudo é introdutório) para esta história, tudo isto apresentado de uma forma bem escrita.
É por isso agridoce o que sinto relativamente a este livro e saga. Sinto que há uma grande festa a acontecer e da qual não consigo fazer parte. Arrastei a leitura durante quase um mês e muitos foram os momentos que não me apetecia lhe voltar a pegar. E o que mais me surpreende é a diferença entre o quanto adorei ler  apenas os capítulos da Dany para ler agora o universo ou a história completa.
Fantasia épica não é mesmo "my cup of tea", por muito boa que seja. Houve passagens que gostei muito: Os capítulos da Dany, os sonhos de Bran, as ansiedades da Sansa, a sagacidade de Tyrion. Fora isso tudo aborreceu-me e aborreci-me porque queria MESMO gostar. Ainda bem que, além deste tenho apenas tenho "A Muralha de Gelo" para ler e poderei desistir de uma saga que faz tanta gente feliz (mas não a mim).

 

Resumo: Robert Baratheon é rei de Westeros e convida Eddard Stark para ser a sua Mão, após a morte do seu antecessor. Este convite e sua aceitação leva à separação da família Stark assim como ao desmascarar dos planos da família Lannister para tomar o poder. Simultaneamente Robert descobre que os sobreviventes Targaryen ainda estão vivos e que Daenerys está grávida e decide ordenar a sua morte, com a qual Eddard não concorda. Os filhos Starks rapidamente levam rumos diferentes a partir do momento em que se separam e os seus destinos parecem que irão estar intimamente interligados com os do reino.


Pontos positivos: A complexidade da trama, a beleza da escrita, a criatividade.

Pontos negativos: O meu desinteresse pelo tipo de história levou que arrastasse a leitura por mais tempo do que o esperado.

Fez-me reflectir sobre: A importância dos bastardos no futuro dos Reinos quando os legítimos deixam de existir.

Excerto / Citação: Pág. 153

"E olhou para lá da Muralha, para lá de florestas sem fim sob um manto de neve, para lá da costa gelada e de grandes rios azuis esbranquiçados de gelo e das planícies mortas onde nada crescia nem vivia.
Olhou para norte, e para norte, e para norte, para a cortina de luz no fim do mundo, e então para lá dessa cortina. Olhou para as profundezas do coração do Inverno, e então gritou, com medo, e o calor das suas lágrimas queimou-lhe o rosto.
Agora sabes, sussurrou o corvo ao pousar no seu ombro. Agora sabes porque deves viver.
- Porquê? - disse Bran, sem compreender, a cair, a cair.
Porque o Inverno está a chegar."

Só Ler Não Basta Ep. #1.2 - "A Influência da Idade Média na Literatura de Fantasia"

Chegámos finalmente ao final de Janeiro e àquele que tínhamos decidido como o vídeo principal desta tertúlia: o do tema com o convidado. Espero que gostem.

Nota: se virem este vídeo no youtube terão acesso, na descrição, a um índice dos tópicos da conversa. Assim poderão saltitar para as partes que lhes interessar mais.
Um grande muito obrigada à Célia (Estante de Livros) por ter aceite ser a nossa primeira vítima convidada e também pelo o apoio que nos deu desde que lhe explicámos o projecto e que a abordámos com o convite.
Livros mencionados:

Empire Trilogy - Raymon E. Feist e Janny Wurts
Rose of the Prophet - Margaret Weis
Lord of Light - Roger Zelazny
Saga Kushiel - Jacqueline Carey
Saga Liveship Traders - Robin Hobb
Saga O Assassino - Robin Hobb
Saga O Regresso do Assassino - Robin Hobb
Os Corvos de Avalon - Marion Zimmer-Bradley
Saga Dragonlance Chronicles - Margaret Weis
A Saga de Alex 9 - Bruno Martins Soares
Saga The Crescent Moon - Saladin Ahmed

O tal artigo (de que ninguém se lembrava o nome) sobre a Idade Média e como pode ser usada na Fantasia

Só Ler Não Basta - Ep. #1.1 - "Leituras Janeiro 2013"

Desde já queria agradecer a todos aqueles que viram e partilharam a sua opinião sobre este nosso projecto. 
Após o vídeo de apresentação, ouvimos as vossas dicas e decidimos dividir em duas metades o "Só Ler Não Basta": uma primeira metade em que falamos dos livros que andamos a ler e artigos interessantes que encontrámos e, duas semanas depois, uma segunda metade em que falamos do tema do mês com o nosso convidado.

Assim neste primeiro vídeo falamos das nossas leituras de Janeiro e no final do vídeo anunciamos qual vai ser o tema do mês que vamos debater já na próxima semana.
O tema do próximo programa será sobre "A influência da Idade Média na Literatura de Fantasia" e convidámos a Célia do Estante de Livros para vir conversar connosco. 
Deixem as vossas ideias e opiniões sobre o tema no tópico que criamos no grupo do Goodreads. Participem e iremos escolher e ler as opiniões mais interessantes na nossa próxima conversa. 

Artigos Interessantes:

Telma: 12 Famous Authors Who Also Wrote for Children (por engano disse no vídeo que o blog era o Brain Pickings, o que está errado)

Carla: The 10 best Jane Austen characters
Diana: Why What You’re Reading Matters

Livros:
Carla: As Crónicas de Nárnia
Telma: John Carter: A Princesa de Marte
Carla e Telma: A Guerra dos Tronos
Diana: The Fellowship of the Ring e The Bloody Chamber

Editora

Amazon Kindle Edition
Aphrodisia
Avon Books
Berkley Sensation
Bertrand Editora
Biblioteca Visão
Bico de Pena
Biis
Casa das Letras
Círculo de Leitores
Civilização Editora
Colecção de Verão
Colecção Sábado
Dell Publishing
Edições Asa
Edições Colibri
Editora Dom Quixote
Editorial Bizâncio
Editoral Caminho
Editoral Estampa
Editorial Presença
Ellora's Cave Publishing
Europa-América
Gótica
Gradiva
Harlequin
Harper Collins
Impresa Publishing
Livros Cotovia
Mil Folhas Público
Notícias Editorial
Oceanos
Orbit
Orion Books
Penguin Publishing
Random House
Relógio d'Água
Saída de Emergência
Teorema
Vogais

Autor

Alex Scarrow
Alexandre Herculano
Alice Vieira
Anaïs Nin
Anne Bishop
Arthur Golden
Audrey Niffenegger
Charlaine Harris
Christopher Priest
Cormac McCarthy
Daphne du Maurier
David Allen
David Soares
Diana Gabaldon
Dominique Loreau
Eleanor Mckenzie e Trevor Blount
Elizabeth Hilts
Elizabeth Kostova
Emily Brontë
Evangeline Anderson
F. Scott Fitzgerald
Gabriel Garcia Márquez
Gail Carriger
Gena Showalter
George R.R. Martin

Gillian Flynn
Gretchen Rubin
Guy Gavriel Kay
H. G. Wells
James Ellroy
James Redfield
Javier González
Jill Myles
Jorge Candeias
José Rodrigues dos Santos
Jostein Gaarder

Julliet Marillier
Karen Marie Moning
Katherine Vaz
Kathryn Stockett
Ken Follett

Kit Rocha
Larissa Ione
Laurell K. Hamilton
Lewis Carroll
Lilly Prior
Liz Tuccillo e Greg Behrendt
M. K. Hobson
Marguerite Duras
Megan Hart
Meljean Brook
Meredith Gentry
Mia Couto
Michael Crichton
Michael Moorcock
Michio Kaku
Mina Carter
Monaldi e Sorti
Naguib Mahfouz
Nicholas Sparks
Nicole Jordan
Patrick Süskind
Philippa Gregory
Richard Matheson
Richard Morgan
Richard Yates
Robert J. Sawyer
Sasha Whire
Scott Westerfeld
Sherrilyn Kenyon
Simon ans Schuster
Stephen King
Stieg Larsson
Suzanne Collins
Sveva Casati Modignani
Tim Powers
Tom Sharpe
Tracy Chevalier
Veronica Roth
Vikas Swarup
Virginia Woolf
Vladimir Nabokov
Yehuda Berg

Pág. 1/2